Pesquisar neste blogue

sábado, 17 de maio de 2014

Mais uma semana académica que passou.

Já fez um ano que queimei fitas, no entanto este ano mantive-me fiel à tradição e lá fui dar o ar da minha graça à semana académica, tendo durante a semana que trabalhar, mas não foi isso que me impediu de passar lá o domingo o dia todo (dia da queima) e ir na terça-feira (ultimo dia, actuação do Emanuel). Porque quem corre por gosto não cansa.
Sei que muitos não entendem esta coisa a que chamamos de "espírito", há outras faculdades onde as coisas não são incutidas da mesma maneira, e sim não estou a falar só por esta ser a minha. Tenho amigos em montes de faculdades que esta "cena" passa-lhes completamente ao lado, é lhes igual ao litro! 
E o que eu sinto sempre que entro naquela faculdade, na minha faculdade, é que todos sentimos o mesmo, uns mais que outros, mas o bichinho está lá, a "devoção e amor" à camisola. Não sei se é por ser um meio pequeno e conhecermo-nos quase todos, mas a verdade é que são nestas festas que vemos os amigos, aquelas pessoas que só vemos naquelas alturas. 

Uma amiga minha que já acabou o curso há 2 anos, este ano também foi à queima e manteve-se para a noite, para assistir às Tunas, ou melhor, à Tintuna! E ela partilha do mesmo sentimento que eu. 
São coisas que só quem andou na Egas é que compreende. 
Aquilo foi a nossa casa durante 4 anos, onde crescemos tanto, divertimo-nos tanto, fizemos tantos amigos. E acima de tudo, passou rápido de mais. 
E é uma sensação tão boa lá voltar, voltar a casa! 


Tagides (não é a musica favorita, mas foi a única que consegui meter aqui!)

E para o ano se puder, lá irei marcar presença, nem que seja para ver as tunas! 



Sem comentários:

Enviar um comentário