Mensagens

A mostrar mensagens de Agosto, 2012

Desanimo

Ontem, tal como tinha dito, foi o primeiro dia das festas, e talvez seja aí que me vou centrar para disfarçar o facto da festa ontem estar quase às moscas! É que às 21h viam-se aquelas famílias que por acaso moram dentro da festa e pensaram: 'ah acabámos de jantar, bora passear um bocadinho e ver os vizinhos', e por outro lado, viam-se os jovens, que não moram dentro da festa e que foram cedo para conseguir apanhar um lugar de jeito, o mais perto possível!
E o pior foi que as horas foram passando e o cenário não mudava, até que ao entrar na recta da meia-noite, eram poucas as pessoas que por lá andavam com menos de 30 anos!  Mas isso não deixa de fazer parte da festa das vindimas, e de ser um cenário super normal.
O que eu não achei normal, foi achar a festa muito "morta", é verdade, não sei se é por ter sido o primeiro dia, ou simplesmente por não estar um pouco alcoolizada, é que para qualquer lado que se olhe, é isso que se  vê! E pior, é que cada vez são os mais …

Folia

Imagem
Foliador: Aquele que entra em folias

Folia: Dança veloz e de muitas figuras. Festa alegre e ruidosa.


Desde pequena, que na altura do Carnaval ouvia bastante esta palavra - folia - e como tal, sempre achei que fosse uma palavra que só era usada no Carnaval, como por exemplo o "Feliz Natal", que só utilizamos no Natal. Confesso que quando descobri que afinal não se tratava de uma palavra própria do Carnaval, fiquei um pouco deprimida! Afinal toda aquela folia do Carnaval, era apenas, uma festa alegre e ruidosa de Carnaval, uau, que mágico! E deve ter sido por essa altura que despertou o meu desinteresse pelo Carnaval. 
Porém os anos passaram, e hoje em dia, são poucas as pessoas que usam a palavra folia, sem ser lá está, no Carnaval. 
Mas uma vez que eu já fui descobrir o significado da palavra, a partir de agora posso passar a empregar a palavra quando bem me apetecer. Tipo, hoje há uma festa... hoje vamos foliar!  Deve ser mais ou menos isso. 
Mas passando isso à frente, hoj…

O contrário do amor.

Imagem
Ao contrário da maior parte dos jovens de hoje em dia, sim eu com 21 anos considero-me uma jovem, eu adoro ler.  E tenho imensa pena de não poder ler com mais frequência ao longo de todo o ano, por isso aproveito os meses em que estou mais desocupada, isto é, os meses de férias, para por a leitura em dia. Chego a ler 3 livros nas férias do verão. E se mais tempo houvesse, mais livros eu leria.

Agora estou a ler um livro que se chama: "O contrário do amor", da escritora Julie Buxbaum

Confesso que não escolho aqueles livros mais conhecidos, os chamados Best-Sellers, tipo livros do Dan Brown, ou do nosso português José Rodrigues dos Santos. E há excepção dos livros da saga crepusculo e Harry Potter, os restantes livros que possuo são aqueles menos conhecidos, que poucas pessoas leram. 
Eu prefiro esses livros, porque primeiro não tou com uma expectativa tão elevada, e depois como tenho tido agradáveis surpresas, continuo a investir nestes livros, digamos, mais desconhecidos! 

Imagine.

Imagem
Letra traduzida:


Segredos

Imagem
"Quem confiou os seus segredos a outra pessoa, fez-se escravo dela."  Baltasar Gracián y Morales
"Como podemos nós pretender que os outros guardem os nossos segredos se nós próprios os não conseguirmos guardar?"  François La Rochefoucauld


Segredos, todos nós temos os seus. Uns mais do que outros, mas a verdade é que todos nós escondemos algo, algo que vivemos, que ouvimos, que vimos, o até mesmo que sofremos. 
Encontrei estas duas frases na internet. E tenho uma opinião diferente a respeito de cada uma delas. Posso dizer que não concordo com a primeira, ou melhor, em parte posso até concordar, mas aplicando isso a um caso real, deixo completamente de concordar.  A verdade é que ao contarmos os nossos segredos a alguém essa mesma pessoa passará a saber tanto quanto nós, no entanto, e partindo do princípio que contamos os segredos àquelas pessoas que nos dizem algo, aos nossos verdadeiros amigos, não vejo o porquê de ficarmos escravos dela. Afinal os amigos não servem p…

Vida loca!

Imagem
Apesar de citar o título da nova música (??) da Fanny, e deixo desde já o meu desagrado pela mesma, mas pronto não é disso que se trata!

É tão bom aproveitar a vida, mesmo que alguns não a considerem como louca, o que interessa é que seja aproveitada! E sabe tão bem o verão, no verão as pessoas andam mais bem dispostas, existem menos conflitos, e basicamente tudo está feliz. Por muito que a crise persista, os restaurantes enchem no verão, com os locais e os turistas, as praias enchem-se de cor, e os nossos corpos tornam-se mais atraentes, a nossa pele melhora, e muito!

Como é bom apanhar um pouco de sol, e por pouco tempo que seja, deixa-nos sempre mais revigorados!







Tróia - Setúbal

Dias...Semanas...Meses...Anos

Os dias passam, transformam-se em semanas, que por sua vez em meses de depois em anos. Assim se resume a vida, com um acontecimento sucessivo, muitas das vezes rotativo, onde voltamos a encontrar certas pessoas que já amámos e certas situações que já vivemos. 
Assim é a vida, um ciclo.  Nascer, Viver, Morrer. 
Há quem diga que a vida é uma breve passagem pela Terra, cada vez mais concordo com a frase. E várias vezes me pergunto se existirá algo depois da morte, muitas são as pessoas que acreditam que sim que existem alguma coisa, porém, também muitas são as pessoas que acham isso uma perfeita parvidade. Eu confesso que estou no meio da balança, mas com a possibilidade de pender para o lado dos que acreditam.
Confesso que apesar de ser jovem é uma coisa que me preocupa um pouco, uma vez que sou um pouco receptiva a coisas novas, digamos assim! Assim como me preocupa o que o futuro me reserva, também gosto de pensar como será um dia, quando morrer, o que é que vai acontecer, se existe …

Cry

Imagem
O título da música é 'Big girls don't cry' ... really??
Então eu devo ser uma daquelas mesmo fracas, porque por qualquer coisinha choro, herdei isto da minha mãe, e posso afirmar que é algo que não me orgulho. Ser fraca. Chorar por tudo e por nada, mostrar a minha fraqueza perante todos os que tiverem presentes. E odeio sentir-me assim, sentir-me frágil, e desejar ter alguém ao meu lado que me pudesse confortar, mas esse alguém não existe. E acabo por optar por fechar a porta do quarto, por uma música a tocar e morrer para o mundo. Deixar-me ficar no meu mundinho, e só reaparecer no dia seguinte, renascida das cinzas, tal como a fénix. 
Sei que há vezes faço dramas e fitas por coisas minimas, sinto ciumes do que não devia sentir, e deixo-me emocionar quando não há necessidade para tal. Sim tenho defeitos, sou humana, bem vindo ao meu mundo! 
E depois, no dia seguinte, faço um rewind, e percebo como fui tola em agir daquela maneira, e penso que da próxima vez conseguirei r…

Sonhos

Confesso que sou uma grande sonhadora.
Por vezes dou por mim a imaginar a minha vida futura, a minha casinha! 
Posso até confessar que tenho um pequena listinha pré-feita, composta por:
1 - arranjar um (bom, de preferência claro) emprego 2 - arranjar uma casinha (apartamento claro, também não vamos exagerar nos sonhos!) 3 - arranjar um bom homem!  4 - arranjar uma boa família, a minha família.

Estes são os meus planos a longo prazo, porque sei que todas as etapas serão dificeis de concretizar, nem sei precisar qual será a mais difícil, mas nos tempos de hoje, tudo se torna mais complicado de alcançar.  Só se fala em desemprego e imigração...sem emprego, isto é, sem ordenado, não há poupanças que estiquem para uma casinha. Depois nos dias de hoje, parece que os relacionamentos sérios estão em vias de extinção, pelo que se torna dificil arranjar um bom homem, sendo dificil atingir o ultimo objectivo, de constituir família! 
Mas enquanto nada disso acontece, mantenho-me no mundo dos sonh…

Fiesta!

YEEEEH, soube hoje a nota daquele exame que tive que repetir, e PASSEIIIIIII!!
Estou tão feliz que nem tenho muitas palavras para expressar toda esta felicidade!

Agora sim, estou de férias a 100%.
Agora sim, estou pronta para ir para os estágios, e embora tenha uma cadeira para trás, agora tenho a força para estudar mais e para no próximo ano fazê-la.
Estou motivada.

Muitas das vezes, são estas pequenas coisas que nos fazem agarrar de outra forma as oportunidades que a vida nos proporciona! São estas pequenas coisas que nos dão motivação para continuar, e para ser sempre melhor!

Desaparecida.

Imagem
Tenho andado desaparecida, a verdade é que quando estamos de férias existem menos coisas para nos queixarmos, parece que existe uma harmonia superior que nos altera o estado de espírito, e nos faz desfrutar mais intensamente desse tempo. 
E eu tenho andado a aproveitar muito bem esse tempo, já que já lá vão os três meses de férias e agora, apesar de andar a estudar (faculdade), fiquei com as férias reduzidas a um mês, tal como os trabalhadores!
Por isso tenho mesmo que aproveitá-las bem!
Entre idas à praia, cafés nas esplanadas como eu tanto gosto, tirei três dias para rumar até ao Algarve, e que bem que se está lá. Podem dizer o que disserem, e não desfazendo do resto do país, o Algarve é o Tal, o Tal sitio para se passar pelo menos uma semaninha de férias! Não sei explicar, mas lá sentimos que todos trabalham para nós, para as nossas férias, que todos os que nos rodeiam estão de férias, e partilhamos todos dos mesmos sentimentos.
Eu adoro o Algarve, e se pudesse de certeza que iri…